Caldo De Cana

Oswaldo (52), um bem-sucedido dono de concessionária de carro, vai até a delegacia para tirar o filho, Fernando (21) que foi preso com trouxinhas de maconha. Oswaldo pergunta ao chefe do setor de investigação, o policial Ronaldo, quanto ele quer para liberar o filho. Ronaldo solta Fernando sem cobrar nada, mas no dia seguinte, o policial aparece na loja de Oswaldo e obriga o comerciante a comprar um carro velho como forma de retribuir o favor.

Aos olhos do pai, Fernando parece regenerado, diz que quer abrir um negócio e pede ajuda do pai. Oswaldo investe no filho, mas Fernando usa o dinheiro para comprar cocaína e entrar pesado no tráfico. Dessa vez, Fernando é preso com 20 quilos da droga.

A partir daí, começa o inferno na vida de Oswaldo e sua família. Ele fica na mão do policial Ronaldo. Por estar disposto a fazer tudo pelo filho, Oswaldo perde quase todos os seus bens pagando advogados, policiais e juízes. A família fica aos pedaços. E quando finalmente consegue soltar o Fernando, a atitude de passar a mão na cabeça do filho gera uma consequência muito mais grave do que Oswaldo poderia imaginar.

Caldo De Cana

Direção: Renato Martins

Roteiro: Renato Martins e Léo Gudel

Produção: Marcello Ludwig Maia

Fotos